1996: Vasco 4×2 Criciúma

Vasco 4×2 Criciúma (17/11/1996)

Já sem chances de conquistar uma vaga na final do Brasileirão, o Vasco veio enfrentar o Criciúma em uma das raras atuações do cruzmaltino em Juiz de Fora. Além de buscar melhorar sua classificação no ranking da CBF e agradar sua torcida, o time carioca buscava a vitória para tentar ajudar o Fluminense a se livrar do rebaixamento. Na goleada, a equipe de São Januário contou com várias estrelas em ascensão, como o então lateral-esquerdo Felipe, e os meias Pedrinho e Juninho Pernambucano, que atuou na ala direita. Os jovens talentos eram comandados por um não menos brilhante Edmundo que, mantendo a tradição de bad boy, foi expulso.

Ficha técnica:

Vasco: Caetano; Cássio, João Luiz e Alê; Felipe, Cristiano (Macedo), Fabrício, Pedrinho (Ranielli) e Juninho Pernambucano; Edmundo e Toninho (Tinho). Técnico: Antônio Lopes

Criciúma: Roni; Gilson (Jorge Luiz), Wilson, Nielsen e Paulo Henrique (Everaldo); Marcão, Ivair, Mabília e Marco Aurélio; Luiz Carlos Oliveira e Leandro. Técnico: Sérgio Costa

Gols: Macedo, Pedrinho (2) e Juninho (Vasco); Mabília e Everaldo (Criciúma)

Público Pagante: 1.720 torcedores