1997: Tupi 0x1 Sampaio Corrêa

Tupi 0x1 Sampaio Corrêa (26/11/1997)

Se o Tupi viveu seu momento mais memorável no Mário Helênio, a derrota para o Sampaio Corrêa na fase final da Série C do Brasileiro de 1997 é, sem dúvida, o revés mais sentido pela torcida até hoje. O jogo era pra ser de festa, pois era a estreia da iluminação noturna definitiva do estádio, e o time vinha embalado na competição, precisando de apenas mais 2 pontos para subir para a Segundona. A torcida compareceu em bom número. Os cerca de 9 mil pagantes fizeram uma bela festa, antes mesmo de a partida começar, mas ao som do apito inicial, uma chuva torrencial que desabou e o gol de falta de Adãozinho esfriaram o ânimo carijó.

Ficha técnica:

Tupi: Zé Luís; Edson, Sérgio Bigode, Léo Devanir e Rubens; Dário, Wellinton, Clayton (Giva) e Adalto; Mauricinho (Wesley) e Pael (Wandão). Técnico: Jair Bala

Sampaio Corrêa: Geraldo; Erley Gelásio, Toninho e Lélis; Luiz Almeida, Renato Carioca (Edirzinho), Fabinho (Ricardo) e Adãozinho; Jó e Marcelo Baron. Técnico: Pinho

Gol: Adãozinho (Sampaio Corrêa)

Público Pagante: 9.016 pagantes