Clube inglês proíbe fotos em seu estádio, e jornal recorre às ilustrações

Southampton, da Terceirona, queria obrigar imprensa a usar

imagens produzidas por empresa contratada pelos dirigentes

Por GLOBOESPORTE.COM – Plymouth, Inglaterra

Uma briga envolvendo o clube inglês Southampton e a imprensa britânica tem chamado a atenção na Europa. Os dirigentes restringiram o acesso dos fotógrafos ao interior do estádio St. Mary’s em dias de jogos da Terceira Divisão local. Essa atitude obrigou o jornal “The Herald Plymouth” a usar a sua criatividade. Em vez de ultilizar as fotos das partidas, o diário optou por fazer ilustrações em suas páginas, para tentar chamar a atenção para o problema.

Dessa forma, “The Herald Plymouth” contratou o cartunista Chris Robinson para representar as fotos, como as da partida na qual o Plymouth Argyle venceu o Southampton por 1 a 0, no estádio St Mary’s, no sábado passado. Seus desenhos mostram Luke Summerfield fazendo o gol da vitória.

cartoon1

Sem poder contar com as imagens dos seus fotógrafos, o jornal inglês “The Herald Plymouth” fez ilustrações do jogo

entre Southampnton e Plymouth Argyle (Foto: AP)

O Southampton queria obrigar os jornais a comprarem imagens oficiais, produzidas por uma empresa contratada. A Sociedade de Editores de Southampton descreveu a decisão como “absolutamente ridícula”. Segundo argumento do clube, a medida era para proteger as receitas comerciais do clube derivadas da utilização de suas imagens. Para Bob Satchwell, da sociedade de editores, os jornais são os maiores divulgadores dos clubes.

– Isso é um absurdo. Os jornais sempre fizeram a cobertura. É uma relação que sempre agradou aos dois lados. A cobertura também faz a publicidade para os clubes – disse.