Diego Hypólito torna-se o primeiro brasileiro campão mundial de ginástica

Melbourne, Austrália – O jovem ginasta do Flamengo Diego Hypólito tornou-se ontem o primeiro brasileiro campeão mundial de ginástica. A inédita medalha de ouro veio em uma apresentação irretocável que lhe rendeu, no solo, uma nota de 9,675.
  Assim que terminou a sua vitoriosa série, Diego correu em direção aos membros da delegação e mesmo antes  de ter a sua nota anunciada pelos árbitros, já comemorava com seus colegas e técnicos. ´´Eu sabia que ao menos um lugar no pódio eu tinha garantido“, disse o brasileiro.
  Com a medalha de ouro, Diego consagra uma trajetória vitoriosa. Ele é o único brasileiro que já atingiu uma final de Mundial – havia acabado em quarto lugar no solo tanto em Debrecen – 2002 quanto em Anaheim – 2003. ´´Ele é o ícone que faltava para que a ginástica masculina pudesse se desenvolver no Brasil“, define Vicélia Florenzano, Presidente da CGB (Confederação brasileira de Ginástica).
  Além das inéditas finais de Mundial, Diego conquistou cinco medalhas de ouro em etapas da Copa do Mundo – inclusive o ouro na grande final, disputada em Birmingham, em dezembro. ´´Se você for pensar, faz mais de um ano que eu não perco“, comemora o ginasta, que ganhou em Melbourne sua sexta competição internacional seguida.
  ´´Não sei se dou risada, se choro, estou muito feliz. Ainda não acredito“ diz Diego, irmão de Daniele Hypólito, que em 2001, ao ganhar a medalha de prata no Mundial de Ghent, colocou o Brasil no mapa da ginástica, modalidade sem menor tradição no país.
  FAMÍLIA- Após o fim da apresentação de seus rivais e da confirmação da medalha de ouro, Diego ligou para a mãe, Geni, para comemorar. ´´ Foi o momento mais emocionante de todos. Abraçando a minha irmã e falando com a minha mãe. Amo minha família“ disse Diego. Já Daniele afirmou sentir-se mais feliz do que à época de sua conquista. ´´O Di passou por meses muito difíceis neste ano. Não dá pra contar como estou feliz por ele, como ele merece essa medalha“, disse a irmã, a ginasta Daniele Hypólito, que ontem ficou em 9º lugar no individual feminino.