Dilma recebe Tinga e árbitro Marcio Chagas, vítimas de racismo, em Brasília

A presidente Dilma Rousseff recebeu na tarde desta quinta-feira, no Palácio no Planalto, em Brasília, o volante Tinga, do Cruzeiro, e o árbitro Marcio Chagas da Silva. Recentemente, os dois foram vítimas de ofensas raciais durante a disputa de jogos de futebol.

A presidente Dilma Rousseff recebeu no Palácio do Planalto o árbitro Márcio Chagas e o jogador Tinga, vítimas de racismo

Dilma já havia usado sua conta no Twitter para prestar solidariedade as dois, assim como fez também com o volante Arouca, do Santos, outra recente vítima de ofensas raciais no futebol. Na ocasião, a presidente defendeu que o Brasil faça “a Copa contra o racismo”.

Ela revelou no último domingo que está convidando líderes religiosos de todo o mundo a enviarem manifestações contra o racismo. As mensagens serão lidas durante a Copa no Brasil, que acontecerá entre junho e julho. “Vamos enfrentar o racismo!”, escreveu Dilma.

Divulgada pelo Blog do Planalto, a foto do encontro desta quinta-feira mostra Dilma junto com Tinga e Márcio Chagas da Silva – Arouca não foi a Brasília. Durante a visita, o volante do Cruzeiro também presenteou a presidente com uma camisa do clube mineiro.