Membros da ‘Geral’ são barrados dos jogos do Grêmio por três meses

Uma decisão cautelar adotada na noite de domingo pelo Juizado Especial Criminal proíbe, pelo período de três meses, que torcedores integrantes da Geral do Grêmio compareçam a jogos no Estádio Olímpico. Na manhã desta terça-feira, o juiz titular do Jecrim, Marco Aurélio Martins Xavier, definirá em reunião com a direção do Grêmio, Brigada Militar e Polícia Civil, a forma como a proibição será colocada em prática. A primeira medida será a identificação dos torcedores.