Sport empata com o Tupynambás fora de casa

O Sport Club Juiz de Fora empatou, por 1 a 1, com o Tupynambás na tarde deste sábado. O jogo aconteceu no Estádio José Paiz Soares, em Juiz de Fora, e foi válido pela nona rodada do Campeonato Mineiro Júnior. Apesar de ter atuado com um jogador a menos durante a maior parte da partida, o Verdão da Avenida foi melhor em campo e só não saiu com a vitória devido à excelente atuação do goleiro rival.

O Baeta tomou a iniciativa da partida durante os 15 primeiros minutos e explorou bastante o lado direito de ataque para criar as jogadas ofensivas. No entanto, o Sport melhorou a marcação no setor de meio de campo e, com chutes de fora da área, passou a criar chances de gol. A primeira delas surgiu com Michel aos 18 minutos. O camisa 9 do Verdão ganhou na dividida com o zagueiro, mas pegou mal na bola e perdeu boa oportunidade para abrir o placar. Sete minutos depois, Maicon recebeu passe de Geovanni Azalin, driblou o adversário e chutou para fora.

O gol do Periquito quase saiu aos 31 minutos. O capitão Zé cobrou falta na entrada da área e mandou a bola no travessão. Aos 42, o lateral Maicon meteu a mão na bola, após cruzamento na área, e foi expulso ao cometer pênalti. Na cobrança, o camisa cinco bateu no canto e abriu o placar para o time da casa.

No intervalo, o técnico Rafael Novaes colocou o atacante Jorge Lucas no lugar de Rodrigo e recuou o volante Júlio para a zaga. O Sport passou a jogar no 3-4-2 e, com as mudanças, o lateral Geovanni Azalin teve maior liberdade para atacar, criando as principais jogadas da equipe. Apesar de um jogador a menos, o Verdão foi para o ataque, dominou a etapa final e teve diversas oportunidades para marcar.

Aos sete minutos, o Periquito deu início a uma blitz no campo do Baeta e o meia Philip quase balançou as redes em chute de fora da área. Dois minutos depois, Geovanni cobrou falta na segunda trave, o atacante Michel escorou para o meio e Luiz Felipe cabeceou no canto, obrigando o arqueiro a realizar grande defesa. Na sequência, Geovanni Azalin bateu escanteio e Pedro marcou contra o patrimônio.

O gol da virada quase veio aos 14 minutos. Michel aproveitou falha da zaga e chutou no cantinho, mas o camisa 1 do Baeta espalmou para linha de fundo. O goleiro voltou a se destacar no lance seguinte, quando defendeu outra cabeçada de Luiz Felipe.

Faltando 15 minutos para o jogo terminar, as equipes ficaram com o mesmo número de atletas em campo. O camisa 10 do Tupynambás cometeu falta e recebeu o segundo amarelo na partida. Com a expulsão de Daniel, o time da casa recuou ainda mais e procurou manter o empate. A virada alviverde não veio por pouco. Aos 34 minutos, Jorge Lucas recebeu lançamento de Zé e encobriu o goleiro, tirando tinta do travessão e, aos 43, foi a vez de Márcio ter ótima chance. O atacante driblou o goleiro, mas bateu para fora.

Com o empate, o Periquito, que já está classificado para a segunda fase do Estadual, chegou a 13 pontos ganhos e segue na vice-liderança do Grupo C. No próximo sábado, o Sport fará o último jogo da primeira fase do Campeonato Mineiro Júnior. O Verdão enfrentará o Progresso, às 15h, no Estádio Procópio Teixeira.

Ficha técnica

Tupynambás  1 x 1 Sport Clun Juiz de Fora

José Paiz Soares

14–05–11  – 15h

Juiz de Fora

Sport Club JF: Romerson; Geovanni Azalin, Luiz Felipe, Douglas Carioca e Maicon; Júlio, Zé, Rodrigo (Jorge Lucas) Flávio e Philip (Carlos); Michel (Márcio).

Técnico: Rafael Novaes

Gols: Douglas (TFC) aos 43’ do 1ºT e Pedro (contra – SCJF) aos 10’ do 2ºT