Carro do volante Henrique ficou destruído após acidente que matou jogador

Um acidente de carro matou o volante Henrique, ex-Atlético-MG, na madrugada desta sexta-feira na Estrada Campelo Miracema, em Santo Antônio de Pádua, no interior do Rio de Janeiro. Por volta das 4h, o jogador colidiu o seu carro contra um poste de luz, ficou presos às ferragens e morreu no local. O jornal local “Sem Limites” divulgou um vídeo na internet com imagens do automóvel destruído.

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, Henrique perdeu o controle do carro e bateu. Como atingiu um poste de luz, o local ficou sem energia. O jogador foi velado na capela da igreja católica de Campello, distrito de Pádua, e foi enterrado no cemitério de Paraoquena.

Henrique começou a carreira no Mineiros, de Goiás. em 2006. No mesmo ano, ele acertou com o Atlético-MG e jogou o restante da temporada pelo clube, que disputava a Série B e foi campeão naquele ano. Em 2007, ele se transferiu para o Remo, do Pará. No início de 2012, ele defendeu o CRAC, de Goiás, apenas no Estadual.

No seu perfil no Facebook, Henrique tinha fotos de quando estava no Atlético-MG e de quando jogava na infância

.