Kaká: ‘Joguei infiltrado para ajudar o Real Madrid e a minha seleção’

Em entrevista ao diário espanhol ‘Marca’, brasileiro rechaça, no entanto, a ideia de que teria colocado a carreira em risco: ‘Eu não sou irresponsável’

Por GLOBOESPORTE.COM – Madri

Kaka Marca

(Foto: reprodução do site do diário espanhol Marca)

Em entrevista ao jornal espanhol “Marca”, o meia Kaká, do Real Madrid e da Seleção Brasileira, afirmou que recebeu infiltrações (medicamento aplicado através de injeções no local da lesão com o objetivo de aliviar a dor) para poder defender o Brasil na Copa do Mundo da África do Sul. O procedimento foi adotado para ele também poder atuar pelo time merengue no Campeonato Espanhol.

– Joguei infiltrado para ajudar o Real Madrid e a minha seleção – revelou o jogador.

Sobre as declarações do médico Marc Martens de que teria colocado em risco a sua carreira, o brasileiro afirmou que não é irresponsável para ter tomado esta atitude – o belga foi responsável pela artroscopia a que se submeteu o jogador no dia 5 de agosto.

– Não sou irresponsável. Ninguém colocou a minha carreira em perigo. Sofri porque não pude mostrar quem é o Kaká. Devolverei com todo o carinho a afeição que estão me dando – afirmou.

O jogador foi operado na última semana e deverá ficar longe dos gramados por 4 meses. Confira no infográfico abaixo todas as lesões de Kaká desde que atuava, ainda como atleta amador, no São Paulo, em 2000.