Marketing Esportivo: Ronaldo Fenômeno no Comitê Assessor da Copa 2014

Matéria publicada na Folha de São Paulo, de 2 de dezembro de 2011, denuncia que mesmo com a Fifa impondo restrições a associação da imagem dos patrocinadores do ex-atleta à Copa do Mundo, ele falou do seu cargo em seu twitter da Claro.

“Por conta do conflito de interesses, a Fifa impôs limites à atuação de Ronaldo como conselheiro do Comitê Organizador Local da Copa 2014. O ex-jogador não poderá associar seus patrocinadores a sua função no organismo que rege o Mundial. Mas o jogador falou sobre o cargo em seu microblog ligado à Claro, concorrente da Oi, parceira da Copa 2014. Em resposta a questionamentos da Folha, a Fifa deixou claro que não tolerará esse tipo de interferência na exposição de seus parceiros… Para exemplificar, a entidade lembra que times e jogadores podem ter patrocinadores pessoais, mas jamais associá-los aos seus desempenhos na Copa. Mas Ronaldo postou ontem pelo menos sete mensagens sobre o cargo no COL, no seu twitter, feito pela Claro. ‘Nosso canal de comunicação está aberto. Por mais que não consiga falar com todos, espero opiniões de vocês por aqui’, diz uma das mensagens do novo cartola, que usou a expressão Copa 2014, exclusiva da Fifa. Ou seja, um dirigente do COL receberá sugestões para sua gestão em site associado a patrocinador concorrente do associado à Copa.”

Na coletiva que deu à imprensa quando apresentado como assessor, Ronaldo disse que “a Copa do Mundo não é da Fifa, não é da CBF, não é do comitê. É do povo”. Já o presidente da Fifa, Joseph Blatter, afirmou: “ele é a voz perfeita para o momento de conciliação. Terá papel muito importante em sua quinta Copa, desta vez fora do campo”.

Em 20 de junho de 2011, Ronaldo participou de um evento nos Estados Unidos onde a Nike inaugurou um estátua do atleta na cidade de Beaverton.

Ronaldo participa do Comitê Assessor da Copa 2014

Fonte: Revista Placar, Jornal dos Esportes, Jornal do Brasil, Jornal o globo, Tribuna de Minas e Arquivo Pessoal Márcio Guerra