Neymar, sobre choro no hino: “Vivi uma das maiores emoções da vida”

Uma das cenas mais marcantes antes do começo da partida entre Brasil e México, nesta terça-feira, foi o choro de Neymar enquanto jogadores, comissão técnica e torcida entoavam a parte final do hino nacional brasileiro à capela. Após o empate sem gols entre as duas seleções, na Arena Castelão, em Fortaleza, o atacante usou o Facebook para dizer que se emocionou naquele momento como poucas vezes havia sentido.

– Apesar do empate, vivi hoje uma das maiores emoções da minha vida… – comentou o camisa 10.

Desde a Copa das Confederações de 2013, o Hino Nacional é uma marca da equipe de Luiz Felipe Scolari e de seu ótimo relacionamento com a torcida no estádio. Agora, na Copa do Mundo, outra característica que já se tornou tradição é a de os jogadores entrarem em campo com o braço no ombro de quem está à sua frente. Após fazerem isso contra a Croácia na estreia, eles repetiram a ação contra o México.

A novidade do confronto desta terça-feira foi que muitos torcedores também se abraçaram, como fazem os jogadores, na execução do hino.

Neymar chora ao fim do hino nacional do Brasil na Arena Castelão

Fonte: Revista Placar, Jornal dos Esportes, Jornal do Brasil, Jornal o globo, Tribuna de Minas e Arquivo Pessoal Márcio Guerra