Vice de futebol confirma: contratação de Neymar custou R$ 158 mi ao Barça

Fim do mistério. Antes de Neymar tecer suas palavras em sua primeira
entrevista coletiva como jogador do Barcelona, o clube catalão confirmou
através do vice-presidente Josep Maria Bartolomeu o valor da transferência
do craque em € 57 milhões (cerca de R$ 158 milhões). O preço inclui o
pagamento feito a todas as partes: o Santos (dono de 55% dos direitos), a
DIS (40%), Teisa (grupo de investidores ligados ao Peixe e que tem os 5%)
restantes, além do próprio atleta, que recebeu € 10 milhões (R$ 27,8
milhões) adiantados.
– Nossa equipe técnica pediu que contratássemos Neymar em 2011. Depois,
nos primeiros contatos foram desenvolvidas conversas com Neymar e sua
família e seu clube. Não foi fácil, foram negociações duras, mas muito
boas. Digo que Neymar fechou com o Barcelona pelas próximas cinco
temporadas com um custo total de € 57 milhões. Este custo total inclui
direitos federativos e econômicos – disse Bartolomeu, sem entrar no mérito
dos vencimentos do atacante da seleção brasileira.
– Os direitos de imagem são iguais às de todos jogadores do Barcelona:
individuais e coletivos. Não há nenhuma diferença.

Craque sem sua apresentação no Camp Nou: Barcelona investiu R$ 158 milhões
em seu futebol

Bartolomeu confirmou a existência de quatro empresas implicadas, mas
assegurou que não houve qualquer intermediário ou agente participando da
negociação.
– Dos € 57 milhões destinados às empresas há cláusulas de
confidencialidade para não revelar qual porcentagem cada um leva. Não é por
nós, pois não teríamos problemas, mas pelas empresas. Existe um acordo e
não podemos dizer. Se nos permitirem algum dia, diremos estes valores.
saiba mais
Neymar revela emoção: ‘Eu me segurei muito para não chorar’
Ousadia e humildade: apresentado no Barça, Neymar fala em ajudar Messi
Emocionada, Bruna Marquezine chora na apresentação de Neymar
Sem número, camisa de Neymar é vendida a R$ 254 na loja do Barcelona
‘Més que un jugador’: Neymar aprende catalão para seduzir o Barça
O interesse do Real Madrid e outros gigantes europeus também foi assunto.
Bartolomeu admitiu que a entrada dos merengues na jogada fez o preço de
Neymar subir. Não houve arrependimento, no entanto.
– A intromissão deste clube e de outros fez com que o preço subisse, por
baixo, em € 17 milhões. Mas penso que contratamos um jogador autêntico. Não
nos importa esse aumento.
Segundo o dirigente, a operação também inclui dois amistosos contra o
Santos, como já havia sido noticiado. Um será em São Paulo e outro em
Barcelona, podendo ser válido pelo Troféu Joan Gamper, tradicionalmente
disputado no fim de cada pré-temporada do clube catalão, em agosto.
Se algum clube quiser tirar Neymar do Barcelona precisará desembolsar um
montante recorde. A cláusula do atacante está avaliada em € 190 milhões (R$
528 milhões), mais do que o dobro que o Real Madrid pagou ao Manchester
United para ter Cristiano Ronaldo, em 2009 (€ 94 milhões).